pt-processa-globo-faustao-huck
PT já classifica Huck como pré-candidato (imagens/reprodução)

O Partido dos Trabalhadores (PT) não gostou nem um pouco da aparição de Luciano Huck no quadro “Divã”, do “Domingão do Faustão”, que foi ao ar dia 07. O global estava com sua esposa, a também contratada da Casa, Angélica.

Ao responder perguntas de telespectadores, o apresentador do Caldeirão disse que não sabe o que vai acontecer no futuro da vida dele. Mas que que é hora de mudar a cena política do Brasil.

Para o PT, Huck se comportou como pré-candidato. Encenação reiterada por Faustão, segundo o Partido. Isso configuraria suposto crime eleitoral por abuso de meios de comunicação e poder econômico, apoiado pela Globo, também conhecida como Vênus Platinada.

Imediatamente à participação de Huck no dominical, as bancadas do PT na Câmara e no Senado decidiram entrar com representação contra Huck, Faustão e a Rede Globo no Tribunal Superior Eleitoral. A ação foi impetrada nessa segunda-feira (08).

pt-processa-globo-faustao-huck
Para o PT houve abuso dos meios de comunicação e poder econômico

Em documento assinado pelo senador Lindbergh Farias e pelo deputado Paulo Pimenta, líderes do Partido no Senado e na Câmara, a Globo permitiu que o horário nobre de domingo fosse usado para os apresentadores “discorrerem acerca da necessidade de os brasileiros darem espaço para uma candidatura nova (a de Luciano Huck)”. O site do Partido ainda destaca outra passagem da representação

“As Organizações Globo, de modo objetivo e direto passou a promover a pré-candidatura de seu funcionário Luciano Huck, utilizando-se de uma estrutura midiática que nenhum outro pré-candidato terá acesso, causando interferência antecipada na lisura e na igualdade da disputa presidencial que se avizinha”.

Em outra passagem, a representação enfatiza que a Globo usou seu poder de inserção entre a audiência para promover Huck. Que o PT já chama de “pré-candidato”.

“Trata-se de conduta desproporcional, que visa à pavimentação de uma candidatura que já nasce turbinada pelo poderio econômico e que, através da utilização indevida dos meios de comunicação, objetiva conquistar a simpatia e o apoio político do eleitorado”.

Resposta ao PT

pt-processa-globo-faustao-huck
Emissora diz que não apoia nenhum candidato

Em nota divulgada pela Assessoria de Comunicação da Rede Globo nessa terça-feira (09), a emissora garantiu que “cumpre rigorosamente a legislação eleitoral e tem uma política interna sobre eleições ainda mais rigorosa do que a lei”.

“No período que antecede anos eleitorais, conversamos com diversos profissionais do nosso casting [elenco] para relembrá-los sobre as regras que, entre outras restrições, impedem que contratados da emissora que desejem se candidatar permaneçam no ar em qualquer programa”, informou a Vênus Platinada.

Por meio da nota, a emissora disse ainda “que não apoia qualquer candidato e que se limitará a realizar a cobertura jornalística das eleições de 2018, seguindo as regras de seus princípios editoriais”.

Apesar de se posicionar abertamente sobre a participação em movimentos para formação de novas lideranças políticas, Huck nega que será candidato.

Clique aqui para assistir ao Domingão do Faustão. A quadro Divã começa em 1h55 depois do início do vídeo.

trem-de-ler

 

One Reply to “PT processa Faustão, Luciano Huck e Rede Globo”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *