Cinco quadrilhas de roubo a banco são desarticuladas pela PM

quadrilhas-roubo-banco-presas-pm
Grupos eram bem preparados

A Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG), desarticulou cinco quadrilhas especializadas em explosões à caixas eletrônicos no último fim de semana. Elas já haviam atuado em outros estados e pretendiam atacar cidades como Santa Juliana, São João del-Rei, Itabirito, Itaúna e Montes Claros.

Além de estarem fortemente armados, os grupos de criminosos carregam em seu histórico mortes de policiais militares, dois do estado de Goiás e dois da Bahia.

Os integrantes da quadrilha presa em Montes Claros, eram de Pernambuco e estariam em Minas para cometer vários ataques a carros-fortes e caixas eletrônicos.

A primeira quadrilha, com seis criminosos, foi presa em Santa Juliana, Triângulo Mineiro, na última quinta-feira (14). A PM percebeu a ação de um indivíduo suspeito que dormia próximo ao quartel e se passava por mendigo.

quadrilhas-roubo-banco-presas-pm
Poder de fogo chama a atenção

O homem monitorava a atuação dos militares e repassava informações à quadrilha, que estava escondida em uma casa na zona rural de Nova Ponte. Eles pretendiam cometer o crime durante a madrugada.

Na mesma data, em Itabirito, região central do estado, a Polícia Militar apreendeu uma grande quantidade de explosivos. Alguns que já estavam prontos para serem detonados e foi desarticulado pelo esquadrão antibombas.

Ainda foram apreendidas duas submetralhadoras de fabricação artesanal, dois revólveres calibres 38, uma escopeta calibre 12, uma pistola 380 e várias munições, além de quatro toucas ninjas.

Mais quadrilhas

quadrilhas-roubo-banco-presas-pm
Armados até os dentes

Em São João del-Rei, no Campos das Vertentes, cinco homens e uma mulher que planejavam ataques a bancos da cidade, foram presos. Quatro eram de São Paulo e dois de Minas Gerais.

Os militares montaram um cerco próximo ao local, onde a quadrilha pretendia cometer o crime, em um hotel da cidade.

Durante a prisão, dois membros informaram à polícia que receberam ajuda de um casal da própria cidade. Todos foram presos e encaminhados a Delegacia.

Já na madrugada deste domingo (17), um grupo fortemente armado foi desarticulado em Montes Claros, no Norte de Minas, após a atuação de uma força-tarefa entre militares de diversas regiões do estado.

A PM chegou até os suspeitos, após o levantamento de informações do serviço de inteligência. Entre os crimes cometidos pelo grupo, o mais recente foi em outubro, em Grão Mogol, no Norte de Minas.

Os suspeitos roubaram todo o dinheiro de um carro forte que fazia serviços para uma empresa de valores. Com os suspeitos, a polícia apreendeu cinco fuzis, duas pistolas, munição, quase 20 quilos de explosivos, carros, chapas de aço e outros equipamentos.

Ainda no domingo, em Uberlândia, a mulher do chefe da quadrilha foi presa com vasta documentação falsa, celulares usados nos crimes e uma caminhonete, também com documento falso.

trem-de-ler

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *