Sensacionalista revela segredos ao Trem de Ler

Nos trend topics de rodas de conversa, o Sensacionalista são-tiaguense tem causado no Instagram e levantado uma pergunta entre muitos usuários da rede: “Quem é o ator por trás da personagem?”
Feed recheado de humor cômico e sarcástico

Sem muitas pretensões, ele virou febre. Começou por acaso, a partir do ócio tedioso – e criativo – gerado pelo isolamento da pandemia. Gamer, amante de rock e autodenominado “cringe” (gíria usada pela geração Z, nascidos após 1996,para definir os micos da geração Millenials, nascidos entre 1981 e 1996). Esse é o “Sensacionalista são-tiaguense”, perfil do Instagram que tem causado em São Tiago. Com cerca de dois mil seguidores em pouco mais de sete meses, o Sensa não hesita em fazer publicações que vão do humor cômico à sátira daquilo que está em pauta em São Tiago e no mundo. Seus posts misturam deboche e um sense of humour irônico, o que já rende patrocinadores e a espiadela furtiva dos blasés que optam por não seguir publicamente o perfil aberto. Ao buscar referências que amarram Shrek ao celebrado cineasta Quentin Tarantino, o perfil marca presença quase diária na rede social. A condição para a entrevista exclusiva ao Trem de Ler é que fosse mantido o anonimato do ator por trás da personagem – nem mesmo ao jornalista ele se revelou. As conversas começaram no início de maio pelo Direct Messenger do Instagram, quando se aventou a entrevista. Além de preservar o sigilo da fonte, as regras para a entrevista incluíram perguntas enviadas por chat e repostas – todas elas – verdadeiras, sem artimanhas para enganar o público com o objetivo de esconder a identidade do entrevistado. O Trem de Ler ainda questionou se deveria chamar o Sensa de “ele” ou “ela”, mas a fonte optou por um gênero indefinido. Perguntado sobre a faixa etária, veio outra evasiva, “entre 13 e 70 anos de idade” e não confirmou se faz universidade. Já em relação à cidade que mora, também foi furtivo – e bem-humorado: “Moro em Entre Rios, entre o Rio Sujo e o Ribeirão das Fábricas”. Também foram feitas outras perguntas pessoais, ao que respondeu: “Se eu namoro… tá sabendo de alguém interessado em me namorar? Kkkkkk Meu time do coração é aquele da capital mineira. Eu jogo vídeo game sim kkkkkkkk”.

Aproveite a entrevista e tente descobrir quem é o Sensacionalista são-tiaguense! Envie seus palpites no campo de comentário abaixo ou mande uma mensagem privada no Instagram do Trem de Ler.

Trem de Ler: Como e quando surgiu a ideia para criar o Instagram do Sensacionalista São Tiago? Foi em conversas com amigos, num bar, sozinho, vendo outras páginas?

Sensacionalista são-tiaguense: Uma frase antiga resume muito bem a criação da página, “cabeça vazia, oficina do diabo”. Era novembro do ano passado, na época eu estava muito desocupado e ao mesmo tempo exausto por causa da pandemia, dos estudos e de tudo que havia me ocorrido durante 2020, e naquele período ressurgiu uma ideia de página de humor para São Tiago que já existia há muito tempo, mas eu nunca tive um certo apoio e disponibilidade para concretizar o projeto.

TDL: Depois da ideia, como foi concretizar a página? Conte o processo de escolha do Otis, personagem do filme “O Segredo dos Animais”, os primeiros posts.

SST: Basicamente, eu estava muito à toa no dia 13 de novembro e resolvi criar a página. O primeiro passo foi escolher um nome que combinasse com a proposta humorística/satírica e que não fosse amplamente usado por outras páginas de humor da região, daí veio “O Sensacionalista são-tiaguense”. A escolha do Otis como mascote e destaque da logo foi completamente aleatória, não tem qualquer significado relevante, apenas quis destacar o boi presente na bandeira municipal com a imagem de outro boi usado com recorrência em memes. No mais, naquele começo, eu queria destacar várias ideias e piadas que eu tinha junto aos meus amigos, como o meme do Portal de Torradinha, além de reforçar a nossa identidade e a falta da mesma, daí vem a ideia de substituir o “SÃO TIAGO-MG” por “SANTIAGO-CH”, que é de onde as pessoas acham que eu sou quando falo que sou daqui.

TDL: O filme “O segredo dos animais” faz uma analogia ao livro “A Revolução dos Bichos, de George Orwell. Você conhece a obra e leu o livro? Se sim, ele também te inspira?

SST: Conheço a obra e já li ela sim, porém, é como disse antes, não me inspirei no filme “O Segredo dos Animais” nem sequer no livro de Orwell.

Tem pessoas que já fizeram fake, mandando nudes de fakes e pedindo para mandar de volta”

TDL: Qual o objetivo da página?

SST: O objetivo inicial era poder usar a comédia e os memes para falar sobre a nossa cidade, além de ser um passatempo. Porém, com o crescimento da página, vi que o Sensa era mais que isso, e que posso fazer muito mais pela cidade além da comédia.

TDL: Conte-nos um pouco sobre o seu processo criativo, como surgem os memes, o que são os shitposts?

SST: É ver que algo aconteceu, seja a nível regional ou internacional, e poder enxergar naquilo uma oportunidade para brincar com algum tema da cidade. São Tiago tem conflitos, figuras, problemas, histórias e tudo isso é conteúdo que posso transformar em algo para fazer as pessoas rirem.
Sobre os shitposts kkkkkkk, eles não aparecem sempre na página, mas defino como sendo algo tão ruim, mas tão ruim, que consegue arrancar risadas das pessoas, é o tipo de meme mais bizarro da internet.

TDL: Há alguma inspiração como outra página, animes, TV?

SST: Tudo é inspiração, convívio, experiência de vida, tudo serve. Mas inspirações na comédia posso dizer do programa “Casseta e Planeta”, além de páginas de humor regionais e de jornais digitais satíricos como o meu xará nacional “Sensacionalista”, presente no site da revista “O Globo”.

TDL: As dicas culturais, quais são suas referências: Netflix, filmes, estilos de músicas preferidas? Há uma tendência para o rock, inclusive você entrou na live do cantor são-tiaguense João Paulo Toré. Esse é o seu estilo preferido mesmo?

SST: Para os filmes, não digo que tenho referências, mas sim preferências. Não gosto dos gêneros de terror e romance, por exemplo, pois a maioria deles apresentam narrativas extremamente clichês. Por isso, se você passar pelas dicas culturais verá algo bem diverso que vai de animações como “Shrek”, “Simpsons” a séries como “The Mandalorian” e até filmes do Tarantino. Para a música, a afirmação é verdadeira, prefiro o rock, apesar de que a depender do ambiente e do momento, vou preferir ouvir outros estilos.

O Cristiano Ronaldo mesmo nem se interessou em me perguntar quem eu sou”.

Que programas você usa para editar os posts?

SST: Eu tenho a ideia em cabeça e uso os programas que forem necessários para realizar o trabalho de forma mais simples. São eles o Paint, Canva, Filmora, programas de extração de vetor, download de conteúdo de Stories, e os editores padrão do próprio Instagram e do TikTok.

TDL: Relate o crescimento do número de fãs, os segredos para engajar e, consequentemente, prospectar patrocinadores?

SST: Não tenho nem ideia se tem um segredo, tento estar sempre presente na página, respondendo a galera, e mantendo o conteúdo todos os dias.

TDL: Quando ocorreu a opção pelo anonimato e por quê?

SST: Não foi exatamente uma opção, eu pensava que a página seria algo muito passageiro, por isso pensava até em excluí-la depois de pouco tempo.

TDL: Hoje, o grande mistério em torno de quem é o Sensacionalista do Biscoito pauta as conversas dos seguidores. Você pretende revelar a identidade algum dia?

SST: Sim. Tenho planos para que isso aconteça assim que acabarem as medidas restritivas da Covid-19.

TDL: Quais as perguntas mais bizarras que as pessoas já fizeram para tentar descobrir sua identidade?

SST: Essas da sua entrevista kkkkkkkkkk. Mas tem pessoas que já fizeram fake, mandando nudes de fakes e pedindo para mandar de volta, além de QR codes que já mandaram e várias outras coisas bizarras!!!

TDL: Como você consegue o direito de imagem de pessoas que aparecem no Sensa? Reza a lenda que alguns deles exigem que você revele a identidade. Isso é verdade?

SST: É lenda mesmo kkkkkk, só pergunto se posso postar, o Cristiano Ronaldo mesmo nem se interessou em me perguntar quem eu sou. Nunca fiz essa permuta de identidade por material, até porque tenho criatividade para postar meus próprios conteúdos.

Eu tenho noção daquilo que publico e de possíveis implicações, por isso tento não errar”

TDL: Há uma equipe envolvida no trabalho do Sensa. A afirmação é porque há campanhas que recolhem donativos. Como é o contato com esse grupo? Eles também ajudam a definir o que será postado?

SST: No caso, em relação às campanhas de donativos que ajudei a divulgar (como a da páscoa da esperança), e de campanhas de adoções de animais que vez ou outra publico na página, eu era apenas mais um a compartilhar as mesmas, sem qualquer contato com os organizadores e sem a possibilidade de recolher qualquer donativo.

TDL: Os patrocinadores conhecem você, porque há o pagamento e alguém para receber. Em algum momento eles tentam interferir nas postagens com medo de associar a marca a algo negativo? Isso é muito comum entre os famosos como o jogador Cristiano Ronaldo, que já perdeu patrocínios milionários por se envolver em escândalos.

SST: Eles não me conhecem e nem interferem nas postagens. Em conversas com os próprios, apesar de correr o risco pelo padrão das postagens, eles confiam em mim. No mais, eu tenho noção daquilo que publico e de possíveis implicações, por isso tento não errar com relação a possíveis associações negativas, e se erro, tento consertar e me desculpar com quem errei o mais rápido possível.

TDL: É possível afirmar que você consegue viver exclusivamente com o cash dos patrocinadores? Os seus pais sabem que você é o Sensacionalista? O que te dizem sobre isso?

SST: Não dá pra viver só com o dinheiro dos patrocinadores. Sobre os meus pais saberem que sou o Sensacionalista, não tenho uma resposta, pois eles sabem, mas não dão a mínima kkkkkkkk.

Sobre os meus pais saberem que sou o Sensacionalista, não tenho uma resposta, pois eles sabem, mas não dão a mínima kkkkkkkk”

TDL: A Constituição assegura, no Art. 5º, inciso IV: “é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato”. Isso te preocupa de alguma forma? Você tem algum suporte jurídico em caso de eventual processo?

SST: O meu suporte jurídico é o simples fato de evitar ao máximo algum processo, eu não abuso da minha liberdade e nem faço nada naquela página com más intenções.

TDL: Você tem um papel social relevante. Como você se envolve com questões políticas, econômicas, sociais, sanitárias (pandemia)?

SST: Quando sou solicitado pelo público e quando sinto necessidade, eu toco nesses assuntos mais sensíveis, às vezes por meio de alguma declaração mais séria, às vezes por meio de tirinhas. Por óbvio eu tento ter o máximo de bom senso possível, além de poder dar voz à alguma manifestação popular honesta e justa.

TDL: Há algo que não perguntamos e que gostaria de pontuar?

SST: A página está aberta a todos os são-tiaguenses, e pessoal, se tiverem alguma reclamação a fazer, alguma campanha critativa que queiram que eu divulgue, ou mesmo uma ideia de meme, podem me mandar que vou respondê-los com imenso prazer. De qualquer modo, se hoje eu sou assunto, é por causa do apoio que os são-tiaguenses dão à página. Por isso, deixo aqui o meu muitíssimo obrigado a todos!!! <3 <3 <3

One thought on “Sensacionalista revela segredos ao Trem de Ler

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Enviar mensagem